Sal em excesso


 
 
Segundo noticias publicadas pelo Diario da Região um "levantamento mostrou que 15% das mortes por doenças do coração em 2010 foram causadas pelo excesso de sal. Pasmem! o consumo exagerado deste componente é o responsável por 2,3 milhões de mortes por ano no mundo, quase 10 vezes mais do que as ocasionadas pelas bebidas açucaradas. Os dados são de uma pesquisa apresentada na American Heart Association.

O levantamento mostrou que 15% das mortes por ataque cardíaco, derrames e outras doenças relacionadas ao coração relatadas ao redor do mundo em 2010 foram causadas pelo excesso de sal.

 Um estudo recente feito em Harvard mostrou que as bebidas açucaradas contribuem com a morte de cerca de 180 mil pessoas anualmente. Medidas públicas globais de saúde, como programas de redução do sódio, podem potencialmente salvar milhões de vidas isso porque alerta que a carga de sódio é muito mais elevada do que a carga de bebidas com açúcar.

 E não para por aí, os estudiosos analisaram 247 pesquisas sobre o consumo de sódio por adultos, segmentadas por idade, gênero, região e país, entre 1990 e 2010, como parte do Global Burden of Diseases Study, um estudo colaborativo conduzido por 488 cientistas, de 303 instituições, em 50 países ao redor do mundo. E foi constatado que cerca de um milhão das mortes - 40% do total - foram prematuras, ocorrendo em pessoas com 69 anos ou menos. Além disso, 60% das mortes ocorreram em homens, e 40% das mulheres. Portanto, antes de cair em tentação e abusar do famoso sal, lembre-se viver que é um bom tempero".

 

Nenhum comentário: