Pastoral da Mulher de Juazeiro recebe visita da Irmã Analita e comitiva

Desde que foram convidadas por Dom José Rodrigues, então Bispo de Juazeiro, para realizarem um trabalho local com as mulheres em situação de prostituição e coordenar a Pastoral da Mulher de Juazeiro, as Irmãs Oblatas passaram a manter uma relação estreita com o município, contribuindo significativamente no desenvolvimento social das famílias e das mulheres que estão envolvidas neste contexto.
A Pastoral da Mulher de Juazeiro, que é uma Unidade Oblata por estar vinculada diretamente ao Instituto das Irmãs Oblatas do Santíssimo Redentor, recebe a visita da Irmã Analita Albani - Coordenadora Geral do referido Instituto, que engloba quatro países, sendo três sul-americanos e um africano: Brasil, Argentina, Uruguai e Angola.
Para esta visita, programada para os dias 1º e 2 de Julho, a Irmã Analita está acompanhada das Irmãs Mirta Sanchez (Argentina) e Olga Colipe (Uruguai), tendo o cunho de apresentá-las a realidade das mulheres em situação de prostituição na região, bem como, compartilhar as experiências vivenciadas pelas Irmãs em seus países de origem.
Em Juazeiro, a Pastoral da Mulher, que é coordenada por Fernanda Lins - Assistente Social, completa este ano 35 anos de atividades com mulheres em situação de prostituição. Mantendo sempre as bases pedagógicas, sociais e da fé, propagada pelo Instituto das Irmãs Oblatas do Santíssimo Redentor.
Após está visita em Juazeiro, as Irmãs seguem para Salvador/BA, onde visitarão a Unidade Força Feminina, também vinculada à Rede de Pastoral Oblata.

Nenhum comentário: