Pastoral da Mulher de Juazeiro participa de ação de direitos da mulher em contexto social

 

No último dia 25 de fevereiro, a Pastoral da Mulher participou de uma ação voltada para mulheres, em Parceria com a Secretaria de Desenvolvimento e Igualdade Social (SEDIS) e Secretaria Estadual de Política para Mulheres (SPM).

A ação contou com uma Unidade de Acolhimento à mulher do campo. A equipe Estação Cidadania da SPM realizou trabalhos de orientação e atendimento personalizado acerca da violência contra a mulher e direitos sociais. O distrito de Maniçoba, em Juazeiro, foi contemplado com a atividade, visto que possui em grande quantidade de trabalhadoras rurais.

O atendimento foi feito as mulheres na Associação de Mulheres com uma equipe composta de Assistente Social, Advogado e coordenado em parceria com o Centro Especializado de Assistência Social (CREAS), Centro Especializado de Atendimento à Mulher (CIAM), Pastoral da Mulher de Juazeiro, dentre outras instituições.

O município disponibilizou serviços como: Bolsa família e carteira do idoso para apoiar a atividade. A Pastoral da Mulher, através das trabalhadoras sociais Ellen Sabrina e Railane Delmondes, fez parte desta atividade acolhendo as mulheres e apresentando o trabalho da Unidade Oblata na região.

Para as integrantes da Pastoral da Mulher, o momento foi bastante rico, possibilitando ouvir relatos de mulheres que vivenciam diariamente vários tipos de violências e, através dessa escuta, foi pautada algumas orientações.

 

Fonte: Pastoral da Mulher de Juazeiro

Equipe da Unidade de Acolhimento à Mulher realizou Oficina em Maniçoba

    Por Emanuelle Lustosa/SEDIS
“Foi muito importante a visita de profissionais para atender só as mulheres da nossa comunidade. É difícil conseguir atendimento com um psicólogo, por exemplo. Recebemos aqui muitas informações sobre violência doméstica, um problema que as muitas mulheres do campo também enfrenta”, relatou a produtora rural, Gilvânia da Silva, nesta quarta-feira (25), durante a ação conjunta das equipes da Unidade de Acolhimento à Mulher e da Secretaria de Desenvolvimento e Igualdade Social (SEDIS), no Distrito de Maniçoba, em Juazeiro.
 
Ação SEDIS Maniçoba 2
 
De acordo com a coordenadora da Unidade, Katiana Rigaud, durante a Oficina foram abordados temas como a Lei Maria da Penha, os Direitos e a Rede de Proteção à Mulher. “Como trabalhamos com as mulheres da zona rural, usamos uma linguagem de fácil compreensão para tratar sobre a violência doméstica, um assunto que assusta e inibe. Tivemos uma ótima participação aqui em Maniçoba, atendemos mais de 40 mulheres”, informou a Katiana.
 
Além da oficina, onde são passadas informações e esclarecimento de dúvidas, as mulheres também receberam atendimento individual, com a psicóloga e assistente social. A senhora Olinda de Sá disse que não precisou ir a Juazeiro fazer o recadastramento do Bolsa Família. “Na próxima semana eu teria que ir até a cidade para atualizar meu cadastro, mas o bom é que o ônibus veio antes e ainda tive a oportunidade de participar da oficina para as mulheres”, disse a aposentada.
 
 Ação SEDIS Maniçoba
A gerente de Diversidade da SEDIS, Luana Rodrigues, disse que a ação foi muita positiva. “Essa parceria com a Secretaria Estadual de Política para as Mulheres (SPM) foi fundamental, assim tivemos oportunidade de reunir vários profissionais para atender à mulher do campo, que muitas vezes tem dificuldades de ir até a cidade buscar ajuda. Nosso agradecimento também para a presidente da Associação das Mulheres de Maniçoba, Maria Senhora Alves, que ajudou a mobilizar a comunidade e as equipes da Estação Cidadania da SEDIS, a qual realizou mais de 70 atendimentos aos beneficiários dos programas sociais, e do Centro de Atendimento a Mulher de Juazeiro (CIAM)”, destacou a gerente.
 
Luana informou ainda que o CIAM está comemorando 10 anos de trabalhos realizados em Juazeiro, pelo fim da violência contra a mulher.

Nenhum comentário: