Tabloide britânico diz que prostitutas do Rio fazem promoção para Olimpíada

Tabloide britânico diz que prostitutas do Rio fazem promoção para Olimpíada
 
Uma reportagem “exclusiva'' publicada no tabloide britânico “Daily Mail'' diz que as prostitutas do Rio de Janeiro estão anunciando uma série de promoções para tentar aumentar a demanda por seus serviços durante a Olimpíada. A medida foi tomada, segundo o jornal, depois de a Copa do Mundo ter frustrado expectativas de alta demanda de estrangeiros.
“A um mês dos Jogos, elas prepararam um panfleto em inglês convidando atletas olímpicos à zona de prostituição próxima ao centro do Rio, oferecendo descontos'', diz o jornal.
 
O repórter da publicação inglesa visitou a região da Vila Mimosa, “a maior e mais antiga zona de prostituição do Rio, onde mais de 3 mil mulheres oferecem seus serviços em mais de 70 bares e boates'', explica.
 
Segundo o “Daily Mail'', a renda dessas mulheres sofreu uma queda por conta da crise econômica no país, e a esperança delas é atrair visitantes estrangeiros durante a Olimpíada.


O noticiário internacional também ressaltou a relação entre o Brasil, a Olimpíada e a sexualidade em notícias sobre a distribuição de preservativos para os Jogos. Segundo várias publicações, como o site da rede de TV inglesa ITV, e o site internacional russo RT, o governo vai distribuir 9 milhões de camisinhas no Rio de Janeiro. O destaque das notícias é o fato de que são preservativos produzidos de forma sustentável.
 
As últimas semanas marcaram um aumento no número de reportagens em jornais internacionais que tratam dos preparativos para os Jogos Olímpicos. A mídia estrangeira está se mostrando muito crítica aos problemas enfrentados pelo Rio, e tem apontados riscos para a segurança de turistas e atletas.
 
Os problemas dos Jogos foram ironizados pelo humorista norte-americano Stephen Colbert, apresentador do programa Late Show, na TV dos EUA. Em um segmento, o apresentador listou muitos dos problemas que afligem os preparativos para a Olimpíada, e deixou claro que a desordem está tomando conta no Brasil.
 
“O governador do Rio disse ontem que a Olimpíada poderia ser um grande fracasso, o que é uma melhora. Até ontem, parecia que seria uma grande catástrofe'', disse.
 
Além disso, o site jornalístico norte-americano “Vox'' mostrou que o Rio “está passando por um outro grande projeto: escondendo e removendo os pobres da vista dos visitantes'', diz. Um vídeo começa mostrando o muro construído para bloquear a vista da Maré para quem vai do aeroporto do Galeão à Zona Sul, onde ficam as praias.

Fonte: http://brasilianismo.blogosfera.uol.com.br/

Nenhum comentário: