Pastoral da Mulher realiza bate-papo sobre prevenção das DST nos locais de prostituição

Abordagem e prevenção

Nos meses de fevereiro e março, a Pastoral realizou uma série de bate-papos com as mulheres nos locais de abordagem sobre temas ligados à prevenção das DST – Doenças Sexualmente Transmissíveis - e higiene íntima.



As doenças sexualmente transmissíveis (DST) constituem um grave problema mundial de saúde, com milhares de pessoas infectadas a cada dia, o que resulta em sérias consequências para a saúde individual e coletiva, como infertilidade, gravidez ectópica, câncer cervical, morte e, por fim, um enorme impacto psicossocial e econômico.

As mulheres atendidas pela Pastoral foram orientadas sobre à realização de exames e testes para detecção de DST, que devem ser feitos anualmente ou conforme período orientado pelo médico. Esses tipos de exames são oferecidos pela rede pública de saúde – SUS, através dos postos (UBS) e unidades de aconselhamento em HIV/ DST e AIDS.

Uma das estratégias desses encontros foi de garantir maior aproximação com as mulheres que vivenciam a prostituição na cidade e discutir temas relacionados à saúde e seu cotidiano. Além das informações sobre as DST, a Pastoral também vem esclarecendo sobre a importância da higiene íntima adequada, que deve ser prioridade na rotina de todas as mulheres, prevenindo infecções e outros riscos à saúde.

Após o momento de conversa, as mulheres recebem um informativo explicativo sobre prevenção das DST e foram presenteadas com um lindo kit contendo sabonete íntimo e toalhinha.


Fonte: Pastoral da Mulher de Juazeiro

Nenhum comentário: