“Mundo mais descristianizado” é desafio para o novo Papa, acredita Dom Paulo

Dom Paulo

 Segundo noticias do Blog de Carlos Brito. "O bispo emérito de Petrolina, Dom Paulo Cardoso, acredita que a eleição do novo Papa (a votação é terça, 12, no Vaticano) não deverá seguir critérios geográficos. Assim, perde terreno a ideia do Conclave eleger um cardeal oriundo da maior nação católica do mundo, o Brasil. O Arcebispo de São Paulo, Dom Odilo Scherer, é cotado para suceder Bento XVI.
 
Na opinião de Dom Paulo Cardoso, o próximo Pontífice será indicado levando-se em conta a realidade e os desafios do catolicismo “num mundo cada vez mais descristianizado”. O religioso petrolinense também criticou a especulação em torno de temas polêmicos como o aborto e o casamento entre pessoas do mesmo sexo. “É fantasia. O novo Papa não vai mudar os valores da Igreja que são os valores de Cristo”, afirmou o prelado".
 
Segundo o IBGE, 64,6% dos brasileiros são católicos (123,3 milhões de pessoas).

Nenhum comentário: