Ciranda Parceiras realiza o I Seminário de Medidas Socioeducativas de Juazeiro/BA



O I Seminário de Medidas Socioeducativas de Juazeiro, evento realizado pelo Grupo Cirandas Parceiras, aconteceu no dia 26 de abril de 2017, na câmara de vereadores do município e reuniu diversos atores sociais engajados na luta pela garantia de direitos de adolescentes infratores.
A ideia de promover o seminário surgiu a partir das discussões do grupo multiprofissional, que se reúne mensalmente na sede da Pastoral da Mulher, com o objetivo principal de fortalecer a rede sociassistencial de Juazeiro.

Os Cirandeiros, como se denominam os componentes do grupo, observaram a fragilidade do sistema socioeducativo e enxergaram na realização do evento, uma oportunidade de discutir e aprofundar o conhecimento sobre a temática, bem como sensibilizar profissionais de instituições que atuam diretamente no atendimento aos adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas.

As autoridades presentes, representantes do governo e da sociedade civil, compuseram uma mesa inicial onde falaram sobre a grandiosidade da ação promovida pelo Cirandas. Fernanda Lins, Coordenadora da Pastoral da Mulher e representante do grupo, ponderou brevemente sobre a atuação do mesmo desde da sua criação no ano de 2015 e destacou a importância de tratar o tema das Medidas Socieducativas, sobre a orbita de busca pela inserção social dos adolescentes, com vistas a afiançar a proteção integral e a garantia de direitos aqueles que cometeram ato infracional.




 
Com um público de 150 pessoas, composto por profissionais da rede de educação, saúde, assistência social, Conselho Tutelar e representantes de organizações não governamentais de Juazeiro e cidades circunvizinha, o evento seguiu uma rica programação, que contou com a contribuição de palestrantes de peso como: Dr. José Carlos Nascimento, Juíz da Vara da Infância e da Juventude de Juazeiro; Dra. Monaliza Cardoso, advogada; Euzirene de Oliveira, Coordenadora da CASE (Comunidade de Atendimento Socioeducativo) e por fim o Dr. André Cerqueira, Defensor Público da 5ª Regional do estado da Bahia, que discorreram ao longo do dia sobre Medidas Socioeducativas de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente; Medidas em meio aberto (Liberdade Assistida e Prestação de Serviço Comunitário); Medida de Semiliberdade e Medidas Socioeducativas no município de Juazeiro: Um trabalho em Rede, respectivamente.               
O evento contou com a parceria e apoio da Pastoral da Mulher, Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (SEDIS), Secretaria de Educação, Secretaria de Saúde, CASE, Café pinga Fogo, Jeunesse e Balcony e Gráfica Coplaser.      

Fonte: Pastoral da Mulher.        




Nenhum comentário: